Sabe aquela garota que acreditava no melhor das pessoas? Ela resolveu colocar o coração pra hibernar; a típica, e tão clichê, mulher independente que não precisa de ninguém. Se desapegou da ideia de que ser feliz é ter alguém ao seu lado; “Ter alguém ao meu lado? Para que?” Só me retem.” Preencheu seu coração com tanto amor próprio que não sobrou espaço para mais nada. E ainda me perguntam, como se tornar uma pessoa indiferente e desapegada? Tá aí, a vida nos faz assim.

“Talvez tenha sido culpa minha ter esperado tanto de alguém que não tinha nada a me oferecer.”
Não se apega, não (via caustificando)
“Apenas seguir em frente. Primeiro, porque nenhum amor deve ser mendigado. Segundo, porque todo amor deve ser recíproco.”
Martha Medeiros.  (via inverbos)
Bom mesmo e quem te vê chorando e na mesma hora consegue te fazer sorrir.
Anndré G (via sociedadedosfalsospoetas)
“Eu, e aquela mania de dizer “tchau” e ficar esperando por um “fica”.”
Fernanda.  (via n-o-v-o-h-e-r-o-i)

não sou indiana jones então sem aventura ✌🚫

“Se ela sozinha já é um perigo, imagina com as amigas.” ✌💕 (em Zoom Music Hall)

Se o papo for balada, não deixe pra depois 🍺🍻 (em Zoom Music Hall)

“Pra que…
Chorar?
Sofrer?
Se a um Deus que tudo pode por Você.
Pra que…
Solidão?
Deixa Jesus Cristo entrar em teu coração!”

Faz um favor? Morre ai rapidão.


SEXLOST